Ensaio fotográfico de recém-nascidos ganha mercado em Franca

ACIF em Revista - edição 278 - Fevereiro

 

Um bebê em poses fofas sempre arranca sorrisos de qualquer adulto, imagina dos pais. E foi com o objetivo de registrar os bebês com as mais variadas poses que surgiu a menos de 15 anos no Brasil, um novo modelo de fotografia de recém-nascidos. Mais conhecida pelo termo inglês newborn, a pratica chegou a Franca há pouco mais de seis anos e mostra que veio para ficar. Além das fotos dos bebês, estúdios da cidade se especializam em fotos de gestante e também no acompanhamento da criança até completar seu primeiro ano de vida.  

Foi pensando nessa fatia de mercado que os fotógrafos francanos Aline Abrão e Ednei Campos, do Estúdio Campos, e Maira Helena da Silva Andrade, do Estúdio Maira Helena, têm se destacado no mercado francano e fazendo os pais, avós, tios e amigos da família, babarem em cada uma das fotos que realizam.

O ensaio fotográfico newborn tem o intuito de registrar os primeiros dias de vida do bebê, por isso normalmente as fotos são produzidas em estúdio até o 15° dia da criança. No ensaio, são realizadas fotos de suas feições e detalhes como pés e mãos, com roupas fofas e cenários em miniatura.  

O ensaio newborn tem duas vertentes: a primeira delas tem mais produção, tanto em relação ao cenário e acessório quanto às poses do bebê e dos pais. A segunda, conhecida também como Lifestyle (estilo de vida), resulta em fotos mais naturais e se preocupa com o registro do recém-nascido e sua família dentro do seu novo mundinho (em geral, na casa da família), com base em seu cotidiano.

O mercado tem crescido muito nos últimos anos e ainda há muito espaço para inovar e expandir. Para tanto, aproveitando o embalo do newborn, surgiu o ensaio de gestantes, que são fotos da mulher com sete ou oito meses de gestação com looks diferentes, e o acompanhamento mensal do bebê, para registrar a evolução do crescimento da criança durante os 12 primeiros meses de vida.

 

Segundo Aline Abrão, os pais adoram o acompanhamento mensal, principalmente quando as fotos são impressas e entregues em um álbum. “Dá muita diferença de um mês para o outro e quando os pais veem no álbum ficam encantados”. A fotógrafa Maira Helena, também compartilha dessa opinião, mas em seu estúdio, ela tem realizado o acompanhamento trimestral. “Eu faço de três em três meses, pois achamos que desta forma a diferença fica maior entre uma fase e outra da criança, e é realmente inegável, que os pais quando veem o resultado, ficam apaixonados”, conta.

 

Os profissionais também concordam que os fotógrafos devem ser especializados e certificados em fotografia de recém-nascidos e fisiologia do bebê, pois nessa área, é preciso primordialmente entender a fundo toda a delicadeza e fragilidade que acompanha um recém-nascido. Os estúdios de trabalho são climatizados e aquecidos para receber os bebês com todo conforto e segurança.

Em média o ensaio de newborn custa em torno de R$ 600, mas o álbum é cobrado separado. Já os ensaios de acompanhamento do bebê, são cobrados por sessão e variam entre R$ 160 a R$ 210.

 

Leia a revista completa: https://bit.ly/37YI0ha

Texto: Ana Luiza Silva

Fotos: Wilker Maia, Ednei Campos e Estúdio Maira Helena

  •