Impostômetro atinge a marca de R$ 1,8 trilhão nesta quinta-feira, Dia de Finados, às 17 horas

01/11/2017

O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) bate a marca de R$ 1,8 trilhão na quinta-feira, 2 – Dia de Finados – às 17 horas. O registro ocorre 26 dias antes do que em 2016, o que significa que os brasileiros estão pagando mais tributos em 2017.

“As receitas do governo já estão subindo acima da inflação, o que, combinado com o controle de gastos, começa a equacionar o ajuste fiscal. Ou seja, o ajuste fiscal de verdade está começando somente agora. O resultado é que o governo pode – e deve – abandonar qualquer plano de aumento tributário”, diz Alencar Burti, presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp).

O montante equivale a todo o dinheiro pago pelos brasileiros aos cofres da União, dos Estados e dos municípios em tributos (impostos, taxas, contribuições, multas, juros e correção monetária) desde o primeiro dia do ano.

“Os dados mostram que a carga tributária continua sobrecarregando a economia. Quanto à participação de Franca, até a manhã desta quarta-feira, R$ 141,6 milhões dos R$ 1,8 trilhão prospectados haviam partido daqui”, afirmou o diretor executivo da ACIF (Associação do Comércio e Indústria de Franca), Marcelo Carraro Rocha.

Tributação de outro mundo

 

Entre os produtos mais tradicionais do Dia de Finados, destaque para a tributação do terço (41,25%), a maior de todas. Só rezando mesmo. Como dizia Benjamin Franklin, nada é mais certo neste mundo do que a morte e os impostos.

Outro produto que faz qualquer um cair duro é o vaso de flores. Na data em que o comércio de flores sobe consideravelmente, um vasinho de qualquer espécie chega a ter 40,62% de seu preço final destinado aos cofres públicos.

Para quem for acender vela para o ente querido neste Dia de Finados, a tributação é de 35,90%. A lista completa, levantada pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT): 

 

PRODUTOS DIA DE FINADOS

PIS

COFINS

ICMS

IPI

ISS

OUTROS

TOTAL

coroa de flores

1,65%

7,60%

0%

0%

 

8,46%

17,71%

vaso de flores

1,65%

7,60%

18%

5%

 

8,37%

40,62%

buquê de flores

1,65%

7,60%

0%

0%

 

8,46%

17,71%

urna funerária

1,65%

7,60%

18%

0%

 

8,68%

35,93%

vela

1,65%

7,60%

18%

0%

 

8,65%

35,90%

véu

1,65%

7,60%

18%

0%

 

8,49%

35,74%

lenço

1,65%

7,60%

18%

0%

 

8,49%

35,74%

terço

1,65%

7,60%

18%

5%

 

9,00%

41,25%

livro de memórias

0,00%

0,00%

0%

0%

 

15,52%

15,52%

jazigo

1,65%

7,60%

18%

0%

 

5,08%

32,33%

tanatopraxia

1,65%

7,60%

0%

0%

5%

12,07%

26,32%

urnas para cinzas

1,65%

7,60%

18%

0%

 

8,68%

35,93%

castiçal

1,65%

7,60%

18%

5%

 

6,10%

38,35%

cremação

1,65%

7,60%

0%

0%

5%

12,61%

26,86%

 

Fonte: Assessoria de Imprensa ACIF

  •