Justiça derruba liminar e autoriza a publicação da pesquisa ACIF

05/10/2018

O TRE (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo) derrubou a liminar que impedia a publicação da pesquisa de intenção de votos realizada pela ACIF (Associação do Comércio e Indústria de Franca) entre 28 de setembro e 3 de outubro. Proferida na noite de quinta-feira, a decisão considerou improcedentes os argumentos que questionavam a metodologia aplicada na coleta de dados, dando parecer desfavorável aos autores da ação: o Partido Social Liberal (PSL) e Alexandre Donizete Teodoro (Alexis Júnnior Radialista), candidato a deputado federal pelo mesmo partido.

Dentre outros, os argumentos utilizados pelos autores para impedir a publicação dos resultados diziam respeito à utilização de lista de candidatos na realização da pesquisa estimulada e o fato da mesma ter sido realizada apenas na cidade de Franca e não em todo o Estado de São Paulo.

“[..] a utilização da lista de candidatos, em ordem alfabética ou aleatória, não prejudica o resultado da pesquisa, produzindo resultados idênticos de confiabilidade. Além disso, defende que não há qualquer impedimento legal para a realização das pesquisas somente no âmbito local de Franca”, consta na decisão.

POSICIONAMENTO ACIF SOBRE A PESQUISA

“Ao realizar pesquisas de intenção de votos na cidade de Franca, a ACIF teve o objetivo único de fornecer à população e aos candidatos informações sobre o cenário político eleitoral em favor de um pleito consciente. A representatividade de nossa região nos âmbitos estadual e federal é uma bandeira que a associação defende, desde 2002, não em favor de candidatos específicos, mas do voto distrital.

É por esta razão que o grande número de indecisos, nulos e brancos constatados na pesquisa eleitoral realizada entre 28 de setembro e 3 de outubro preocupa, pois o que perdemos com a falta de expressão política vai além das questões monetárias.

CONCLAMAMOS a população para que reflita sobre o voto distrital sabendo que as propostas e discussões de leis que influenciam a realidade da região e a possibilidade de encontrar, pessoalmente, seus representantes para cobrar e apoiar medidas fazem a diferença no desenvolvimento de Franca. Os dias que antecedem o pleito podem alterar a realidade captada pela pesquisa até aqui. Nós podemos mudar nossa própria história.”

 

Dorival Mourão Filho

Presidente da ACIF

Fonte: Assessoria de Imprensa ACIF

  •