Pandemia e isolamento aumentam interesse por cultivo de plantas

De hortas às plantas decorativas, a pandemia provocou mudanças na vida de todos desde o seu início, em meados de março do ano passado. Por causa do isolamento social, que é uma das principais formas de prevenção contra o Coronavírus, muitas pessoas começaram a ficar mais tempo em casa e, pouco a pouco, a investir mais atenção no ambiente onde moram.

O cultivo de plantas, flores e hortas começou a ser uma das apostas para quem procurava transformar a casa em um lar, além de buscar um modo para relaxar diante das incertezas dos estresses causados pela pandemia. Com esta ação nas residências ressaltou o que chamamos de estilo Urban Jungle.

Você já ouviu falar em Urban Jungle? Trata-se de uma tendência em Design de interiores e Arquitetura de Interiores que está super em alta. Esse estilo chamado de Urban Jungle (em português “selva urbana”) foi criado por um grupo de blogueiros que seguiam e curtiam o estilo e as cores que remetiam a natureza, mas com linhas de design super modernas. O mais legal dessa tendência é, que, além de embelezar os ambientes, ela também tem um propósito de bem-estar.

O Urban Jungle busca trazer um pouco da calmaria da natureza para o caos da selva de pedras que estamos acostumados a viver nas nossas cidades, mesclando Design de Interiores com mobiliário, vegetação e tantos outros detalhes que conseguimos trazer para dentro das nossas casas.

A ideia é (re)aproximar a natureza do nosso dia a dia e proporcionar momentos de desconexão. Afinal, estamos em casa, no lugar onde estamos livres para sermos quem realmente somos.

Quer levar esse estilo Design de Interiores e Arquitetura de Interiores para sua casa?

 Então se liga nas dicas simples que trarei para vocês: Crie sua selva particular. Quando se fala de selva, levamos a sério! Aqui não tem essa de “menos é mais” e, quanto mais plantas, pela casa, melhor. A ideia do Urban Jungle é ousar nas plantas e, para isso, existe uma infinidade de espécies que se adaptam às áreas internas e também maneiras de incluí-las na sua composição.

Podemos pensar nesta composição a partir dos hangers, que são os suportes para os vasos de plantas que podem ser de fibras naturais ou sintéticas, plásticos ou aço. Depois pensamos nos vasos que podem ser de vários tamanhos, de material sintético aos de cerâmicas e também os charmosíssimos vasos vietnamitas.

Bom chegamos então nas plantas, podemos montar espaço verde com plantas ornamentais e também com as PANCS (Plantas Ornamentais não convencionais Comestíveis).

 Plantas ornamentais: Samambaia, cactos, suculentas, cróton, palmeira-leque, iuca (Yucca), árvore-da-felicidade, zamioculcas, espada de São Jorge, peperômia, ciclanto. palmeira ráfia, maranta, costela-de-adão, jiboia, entre outras.

Plantas PANCS: - Taioba, Peixinho, Batata doce, Trapoeraba, Azedinha.

Para fechar posso sugerir um cronograma de ações para montar o seu recanto verde:

 - Escolha as espécies de acordo com as características do ambiente;

- Dê preferência para espécies de sombra;

- Crie um jardim vertical;

- Dê destaque para as folhagens;

- Aposte na diversidade.

O ideal é considerar quais condições a planta estará exposta. Iluminação e ventilação são essenciais em qualquer caso. Além de tudo, veja qual é a área disponível. O estilo Urban Jungle tem tudo a ver com o momento que estamos vivendo e com isto, despertou interesse por elementos naturais e pela sustentabilidade. Com essas dicas, é possível adicionar florestas urbanas a sua residência e locais de convívio.

Fonte: Vicente Raymundini Neto CAU: 0108.01440

  •